Férias com saúde e bem-estar

Chegamos em janeiro, a época mais quente do ano. No entanto, isso não significa que as pragas não vão surgir. A cada estação, os insetos alteram seu comportamento com base no clima, da mesma forma que os humanos. Com isso, o verão é a época mais movimentada para os vetores.

Você já pensou por que o aparecimento de pragas aumenta no verão ou o seu imóvel se torna o centro de atração para elas? Obviamente, uma infestação pode ocorrer em qualquer estação. No entanto, é no verão que temos mais “encontros” com esses insetos e animais. Embora a recomendação seja de que a dedetização tenha uma frequência média de três em três meses. Ou, ainda, no mínimo 2 vezes durante o ano, dependendo do tipo da praga, é importante ressaltar que haja reforço no verão.

Isso porque as pessoas associam esta época do ano ao sol, diversão, férias e muito tempo ao ar livre. Mas para formigas, aranhas, baratas e outras pestes, o verão e o final do ano também são alta temporada. Afinal, quando a temperatura começa a aumentar, as pragas escapam de seu profundo sono de inverno. Eles saem em busca de comida e, por fim, chegam à sua casa. Além disso, o clima mais quente oferece condições perfeitas para a prosperidade e proliferação.

Outro fator que influencia é o aumento da umidade durante o verão. Essas condições são favoráveis para que as pragas urbanas se desenvolvam e aumentem em número.

Fique atento! Proteja seu ambiente e tenha o período de férias com muita alegria, saúde e bem-estar!