Qual a diferença entre dedetização e detetização?

Essa é uma dúvida recorrente e temos a certeza de que a maioria das pessoas já ouviu as duas palavras sendo pronunciadas.  A verdade é que a expressão detetização não existe. O correto é chamar as ações de controle de pragas de dedetização e vamos te explicar o porquê.

A palavra dedetização surgiu durante a Segunda Guerra Mundial, quando a substância dicloro-difenil-tricloretano (popularmente chamado de DDT), era utilizada para combater insetos, por isso a denominação dedetização surgiu, oriunda das iniciais deste composto químico.

Com o passar dos anos, outras substâncias e técnicas surgiram, fruto de pesquisas para atender padrões de proteção ao ser humano e ao meio ambiente. Por isso, o DDT foi proibido, levando-se em conta o alto poder de toxicidade da substância.

Apesar disso, a expressão dedetização ainda é a forma mais comum para denominarmos a ação de combate à pragas e vetores de doenças. Aqui na Klin, para desvincular a imagem do serviço desse passado tóxico, utilizamos a expressão controle de pragas.

Já que executamos nossos serviços com produtos de alta qualidade, respeitando as normas dos órgãos reguladores e com todo o cuidado necessário para o bem estar do usuário, nada mais justo que a expressão dedetização caia em desuso.

Além do controle de pragas, também oferecemos serviços mais específicos como sanitização, oxi-sanitização e limpeza de caixas d’água. Precisa do nosso atendimento? Solicite um orçamento sem compromisso:  (83) 3222-6444 (WhatsApp)⁣⁣⁣⁣⁣⁣.